Séries: Stranger Things

st-illustrated-las_p7xd

Gênero: Drama, Fantasia, Suspense

Duração: 60 minutos

Nº de episódios: 8 episódios

Criado por: Matt Duffer, Ross Duffer

Elenco: Winona Ryder, Matthew Modine, Natalia Dyer, Noah Schnapp,  Finn Wolfhard, Millie Brown, Charlie Heaton

 Status: Renovada

Sinopse: Ambientada em Montauk, 1982, a série conta a história de um garoto que desaparece misteriosamente. Enquanto a polícia, a família e os amigos procuram respostas, eles acabam mergulhando em um extraordinário mistério, envolvendo um experimento secreto do governo, forças sobrenaturais e uma garotinha muito, muito estranha.

 
Pretendo ser o mais suscita o possível para não falar exatamente nada sobre essa história, e ao mesmo tempo conseguir falar tudo. Mais uma vez a Netflix nos surpreende com uma série de tirar o fôlego, e Stranger Things  não apenas nos tira o fôlego, mas também nos transmite uma imensa nostalgia para os amantes dos anos 80’s. Quando vi a chamada da série na Netflix, logo percebi certa semelhança com algo que vi na infância, não estava errada, na verdade tem semelhança com quase todos os filmes que vi na infância. Logo no primeiro episódio vemos um grupo de garotos – Will, Mike,

Stranger Things

Lucas e Dustin – jogando dragons and dungeons no porão de casa. Os amigos nerds já nos mostram, bem no início,que a união é o forte da turma e que amigos não mentem. Em seguida, depois de apostar um quadrinho de X-Men com Dustin, Will desaparece misteriosamente, e esse é o motor da série, o primeiro de muitos mistérios que surgem. Dá pra perceber que as referências a cultura pop corre solta ao longo da história, e é isso mesmo, X-men, Star Wars, Senhor dos Anéis, Poltergeist, entre outros. E as referências vão além, a história é repleta de semelhanças com os filmes dos anos 80’s. Sem ter a

em-stranger-things-acontecimentos-estranhos-tomam-conta-de-uma-pequena-cidade-americana-apos-o-desaparecimento-do-filho-de-joyce-winona-ryder-1465495675440_956x500 premissa de ser algo original, a série se propõe a ser uma homenagem a filmes como: Goonies (1985), Alien (1979), Conta comigo (1986), Et – O extraterrestre (1982), Arquivo x (1990) e o atual Super 8 (2011). Pode-se dizer que Steven Spielberg, Stephen King, J.J. Abrams foram muito bem representados aqui. Mas porque a série é tão nostalgica e tão viciante? A ambientação dos anos 80, desde as roupas até a forma como era estruturada a família, o grupo de crianças que descobrem os mistérios primeiro do que os adultos, os adolescentes cheios de clichês que amamos e o suspense muito bem sustentado ao longo da história. A série envolve ficção científica, terrorCinePOP-Stranger-Things-3 e muito aventura. Agora sobre o elenco. É impossivel não se apaixonar pelo elenco mirim, e não lembrar dos filmes da infância quando eles entram em cena. Todas as crianças estão ótimas, principalmente Eleven (Millie Brown), a menina estranha que consegue com um olhar dizer tudo que precisamos saber. Winona Ryder, a mais conhecida do elenco, e que interpreta a mãe de Will consegue passar toda a dor de perder um filho e principalmente de ser uma mãe solteira a qual todos pensam que está louca. Se você é amante dos anos 80’s, se prepare para uma nostalgia de tirar o fôlego, já se você não se importa muito com referências, mas ama um suspense bem elaborado, personagens cativantes e ótimos efeitos especiais, pode preparar o sofá e a pipoca pra maratonar essa série.

Por Julieta: Camila Matias

 

 

 

Anúncios